Afinal, o que é o Movimento Mais Um Baêa?

A união de torcedores que acreditam que o Bahia pode e irá mais longe!

Pensamos

ideias que fomentem uma discussão saudável sobre o direcionamento que a gestão do Bahia deve assumir com relação aos mais variados assuntos. Desde o time principal ao sistema de sócios.

Planejamos

como a gestão atual e futura podem efetuar mudanças significativas na melhoria do nosso time.

Aplicamos

Com base em nossas aprofundadas pesquisas de campo e envolvimento real com a torcida tricolor, nós compreendemos as necessidades e anseios de nossa nação e também do nosso time. Por isso, desenvolvemos métodos de aplicar estas mudanças!

Sucesso

No fim, esperamos levar ao Bahia a posição de destaque que merece. O MUB! é acima de tudo o movimento que busca um Bahia forte e vencedor.

Tudo o que for necessário para ajudar o Bahia a Crescer!

Nós somos acima de tudo torcedores e a melhor satisfação do movimento Mais Um, Baêa!, é ver o Bahia assumir o lugar de destaque que merece. Somos pessoas das mais variadas camadas sociais que se uniram com um único propósito: Fazer o Bahia forte e vencedor!

O Movimento Mais Um, Baêa!

O Movimento Mais Um, Baêa! surgiu por volta do ano de 2014, quando um grupo de amigos no whatsapp, que falava sobre assuntos variados, resolveu criar um outro grupo no aplicativo para tratar tão somente de assuntos relacionados ao Esporte Clube Bahia.
O grupo então foi criado e nele tinham apenas 6 amigos, que basicamente conversavam durante as partidas sobre questões técnicas, táticas, erros de arbitragem etc, ou seja, basicamente questões mesmo do dia-a-dia do futebol.
Alguns dias após criado, ainda em 2014, o grupo ganhou NOME e LOGOMARCA, através da iniciativa do membro Abílio Freire, que teve ideia do nome e então pediu ao designer Soeiro que fizesse uma logomarca e este presentou o grupo com a logomarca usada até hoje, belíssima, diga-se por sinal, modéstia à parte!
Na ocasião o whatsapp aceitava tão somente 50 membros e foi então que os 6 membros entenderam que poderiam convidar outros amigos para comporem o grupo e assim foi feito.
Quando o grupo estava prestes a alcançar 30 membros houve a eleição no Esporte Clube Bahia, em 2014, que elegeu a atual gestão. Na ocasião o grupo por ser tão novo não teve qualquer interesse em ingerir no processo eleitoral, indicando aos seus membros que votassem no candidato que cada qual achasse mais indicado para presidir o Clube.
E o grupo continuou crescendo até que, já em 2015, foi aberto o primeiro grupo após o inicial, o originário, que chamamos de MUB! ZERO. Estávamos por volta de maio de 2015 abrindo o MUB! 1.
Em setembro de 2015, com 80 membros ao todo nos 2 grupos, 50 no Zero e 30 no Um, foi decidida então a Assembléia de Constituição e Lançamento Oficial do MAIS UM, BAÊA!, que ocorreu exatamente no dia 12 de setembro de 2015, num evento num auditório de um hotel no Porto da Barra, oportunidade em que compareceram mais de 70 dos 80 membros e foi apresentado o plano de gestão interna do grupo, que, pela própria performance e objetivo, apresentou-se muito mais como um MOVIMENTO do que como um grupo, especificamente falando.
Estava lançado, então, o MOVIMENTO MAIS UM, BAÊA!, no objetivo primordial de servir como palco democrático para que todo e qualquer torcedor, fosse ele Sócio ou não, pudesse expressar seu pensamento, sua alegria, suas angústias, suas ideias.
O idealizador do movimento, nosso Abílio Freire, carinhosamente chamado de B9, Bilão, Bilhão, tornou-se por aclamação nosso presidente.
O objetivo prioritário do MUB! era dar vez e voz ao torcedor, era aglutinar a massa, era servir como interface entre torcida e o próprio Clube, como propulsionador de ligações, de paixões, de aproximações entre CLUBE-TIME-TORCIDA.
Neste mesmo dia 12/9/15, o MUB! lança sua primeira Rede Social – o INSTAGRAM DO MUB! Começamos do zero, zero seguidores, e no dia muitos passaram a nos seguir e assim foi que tudo começou. Inclusive, se qualquer um for no instagram do MUB!, @maisumbaea, encontrará lá fotos, apresentação e tudo o mais que ocorreu naquele dia de lançamento.
De lá para cá o MOVIMENTO MAIS UM, BAÊA! ganhou o simpático acrônimo de MUB! – movimento Mais Um, Baêa! e conseguiu transformar em realidade tudo aquilo que intuiu no momento do seu lançamento: TORNOU-SE O MAIOR PALCO DEMOCRÁTICO DE TORCEDORES DO ESPORTE CLUBE BAHIA, onde nos 78 grupos espalhados de whatsapp e quase 50 mil seguidores no Instagram e demais redes sociais, permite que seus membros falem o que querem, da forma que querem, sem filtros, sem perseguições, sem censura.
Os membros seguem um protocolo de regras amplamente divulgado, onde, acima de tudo, repousa o respeito inafastável ao ESPORTE CLUBE BAHIA e aos MEMBROS DO MUB!, além de nos mantermos TOTALMENTE afastados de política partidária, discussões religiosas ou qualquer debate que implique, ainda que com assuntos relacionados ao Bahia, qualquer tipo de intolerância.
LIBERDADE DE EXPRESSÃO, esta é a MARCA DO MUB!
Em maio de 2016, numa Assembléia realizada, os membros do MUB! decidiram por unanimidade que o grupo passaria também a ter conotação político-INSTITUCIONAL, ou seja, que o movimento trabalharia no sentido também de fazer surgir um nome dentro dos seus quadros que pudesse refletir todo o complexo de ideias, projetos e ideais que proporcionassem ao E.C.BAHIA e possibilidade expressar toda a sua grandeza e voltar a ser vencedor.
Foi então que surgiu nosso Arcabouço preliminar, documento amplamente divulgado nos grupos, onde expressamos aquilo que chamamos de DECOLA, ESQUADRÃO!, um conjunto de medidas para levarem o Bahia para um crescimento ainda maior fora de campo, tanto na parte financeira quanto administrativa, e também para trazer o Bahia de volta aos braços do seu POVO, da sua TORCIDA a fim de que CLUBE-TIME-TORCIDA estabeleçam aquele laço de energia que levem o BAHIA à conquista da tão esperada Terceira Estrela, título este almejado por quem já viu os de 59 e/ou de 88, e absolutamente inédito, desejado, esperado, perseguido pelas gerações mais novas que não viram o Bahia chegar ao ápice das Glórias, das Conquistas.
Temos, assim, por óbvio 2 objetivos fundamentais; DEVOLVER O BAHIA PARA O POVO, PARA O TORCEDOR, PARA O POVÃO; FAZER O BAHIA NOVAMENTE CAMPEÃO BRASILEIRO e para isso nomeamos como pilares fundamentais a TRANSPARÊNCIA e o DIÁLOGO.
Nosso Arcabouço está em constante aperfeiçoamento, pois quem quer atingir o topo nunca pode achar que já é ou está o melhor suficiente para tanto, tem que estar em constante busca por melhoras.
Quer conhecer tudo isso, medidas de inclusão do torcedor de baixa renda, formas de onipresença da marca, meios de se chegar à conquista do título nacional, mecanismos de perenização na serie A, projetos para melhoria de arrecadação e investimentos? Então, clica aqui no Arcabouço e vamos debater sobre gestão, ideias etc.
Como agimos como um MOVIMENTO PLURAL, COLEGIADO, num sistema de Coral, onde vozes se completam para que se busque chegar próximo da perfeição, transferimos, por óbvio, todos estes conceitos para aquilo que entendemos como GESTÃO EFICIENTE, uma gestão PLURAL, COLEGIADA, numa filosofia também de CORAL, onde cada posição administrativa deve ser ocupada por quem é melhor ou está no rol dos melhores da área, para que assim consigamos fazer os reflexos necessário para o TIME atuar dentro de campo com essa sintonia, em busca das mesmas metas do corpo diretivo: RESPEITO, GRANDEZA e TÍTULOS.
Por isso usamos como frase desde o início do Movimento: JUNTOS SOMOS MAIS FORTES!, que é nossa forma de mostrar que o coletivo sempre prevalecerá às questões individuais, que o Bahia sempre foi forte quando as mãos estavam juntas, superando obstáculos dentro da união.
E, como entendemos que TORCEDOR É PATRIMÔNIO e merece RESPEITO E VALORIZAÇÃO, falamos para todos ouvirem e saberem que somos A VEZ E A VOZ DO TORCEDOR.
É isso!
AGORA SOMOS NÓS!
QUEREMOS UM BAHIA FORTE E VENCEDOR!

usem as hastags:
#juntossomosmaisfortes
#agorasomosnós
#avezeavozdotorcedor

 

Quem Apoia e Participa do Mais Um, Baêa!:

“Far far away, behind the word mountains, far from the countries Vokalia and Consonantia, there live the blind texts.”

– Marcelo Ramos

“It is a paradisematic country, in which roasted parts of sentences fly into your mouth.”

– Jailson Baraúna

“Separated they live in Bookmarksgrove right at the coast of the Semantics, a large language ocean.”

– Aldo França

0

Seguidores Nas Redes Sociais

0

Ano de Criação

0

Reuniões e Encontros neste ano.

0

Objetivo: Levar o Bahia ao Topo!

Mais um, Baêa! - 2017
Desenvolvido por Agência Tabas